Órgão do Mar…

Assim entendo com orgulho minha profissão: a arquitetura (e a engenharia por afinidade), com um compromisso urbano/social, com visão no coletivo e em busca de soluções criativas e que tenham mais a oferecer ao usuário do que a futilidade do que é habitualmente entendido como “nossa função”. Arquitetos/Engenheiros podem com certeza, contribuir com o espaço urbano de forma consistente. (Jane Abel)

Situado na costa de Zadar, uma cidade da Croácia, encontramos o Órgão do Mar. São degraus cravados em rochas que têm em seu interior um interessante sistema de tubulações que, quando empurradas pelos movimentos do mar forçam o ar e, dependendo do tamanho e velocidade da onda, criam cordas musicais que são transformadas em sons aleatórios.
Criado em 2005 e ganhador do prêmio europeu para espaços públicos [European Prize for Urban Public Space], o Órgão do Mar recebe turistas de várias partes do mundo que vêm ouvir uma música original que traz muita Paz. O lugar também é conhecido por oferecer um belo pôr do sol, o que agrada ainda mais os visitantes.
Zadar é uma bela cidade litorânea da Croácia, que foi duramente castigada durante a Segunda Guerra Mundial. A Criação do Órgão do Mar é também uma iniciativa para devolver um pouco do que o lugar perdeu com tanta destruição e sofrimento.
O detalhamento das cordas e notas musicais que, somadas a energia das ondas, criam os sons.
As lacunas no concreto servem para o Órgão do Mar “respirar” e também para levar os sons criados na tubulação.

Veja a estrutura das “escadas” (clique para aumentar a imagem). escada.jpg

Assista o vídeo do Órgão do Mar em pleno funcionamento, pelo movimento natural das ondas… simplesmente…

escada1.jpg

escada2.jpg

Ainda não há comentários.

Deixe seu comentário:

Clicky Web Analytics